A RAÇA IDÊNTICA

Existe um lugar onde a natureza, por conveniência ou por uma economia genética, fez a raça humana exatamente idêntica. Uma realidade alternativa onde todas as pessoas são absolutamente iguais.

São homens e mulheres com os mesmos olhos, a mesma boca, o mesmo nariz, a mesma estatura, a mesma pele escura. Todos tem a mesma fisionomia.

Curiosamente, neste lugar não existem crimes de assassinatos. As pessoas realmente se reconhecem como uma única pessoa.

O instinto de cooperação é imenso.

Apesar disso, todas as outras peças da história humana são as mesmas que você conhece. Existem pessoas intolerantes, pessoas que julgam ser superiores as outras, pessoas prestativas, gordas ou magras, com os cabelos curtos ou compridos. Porém, tudo isso é forjado pela necessidade que possuem de tentar disfarçar esta condição, e interpretar alguns papéis.

As pessoas querem, a qualquer custo, mostrar sua individualidade e provar que são independentes.

É tudo uma grande brincadeira.

Por conta disso, lhes falta respostas e até mesmo questionamentos importantes para a perpetuação da espécie humana.

A reprodução é extremamente pequena, difícil, existe uma antipatia que prevalece sobre o desejo sexual.

Neste lugar, eu e você somos os mesmos, somos a mesma coisa.

Fernando Fortuna

Publicitário, escritor, cineasta, músico. Pois bem, amante das artes e dos movimentos filosóficos da alma. Noite Literal é o meu quintal celestial. É neste espaço que pretendo trocar energias com você.

Leia também

COMENTE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *